A cada manhã novas são as misericórdias do Senhor


Lam 3: 22 e 23

22-“As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim;

23″Novas são a cada manhã; grande é a tua fidelidade.”

Certo dia ao ouvir um louvor que tratava deste tema, pus-me a meditar no porquê  DAS misericórdias, percebam que não é no singular mas no plural, e porque também se renovam a cada manhã? Levantando estas questões, comecei a perguntar ao Senhor que misericórdias são essas? E porque delas se renovarem diariamente?

Para começar procurei o significado da palavra misericórdia no dicionário da língua portuguesa, e o resultado encontrado foi:  Misericórdia é a virtude que leva-nos a compadecermos da miséria alheia. É a junção de duas palavras: miséris + córdia ( miséria + coração ). ou ainda:  perdão; instituição de piedade e caridade.

Compreendendo o significado da palavra podemos iniciar uma meditação sobre este assunto, o que, podemos iniciar por 1º Crônicas 21:13 ” Então disse Davi a Gade: Estou em grande angústia; caia eu, pois, nas mãos do SENHOR, porque são muitíssimas as suas misericórdias; mas que eu não caia nas mãos dos homens.

Vejam que este texto reforça a idéia de que são muitas as misericórdias do Senhor, alguém poderia dizer que são muitas porque a misericórdia se repetiria muitas vezes todos os dias, ou seja, a mesma misericórdia repetidas vezes,  a  mesma misericórdia para qualquer situação que a merecesse. Mas não é nisto que creio, o que creio sim, é que são muitas e variadas misericórdias que o Senhor as renova diariamente em favor da humanidade, sim, da humanidade,  e não é necessário ser salvo para desfrutar da misericórdia do Senhor, qualquer um desfruta da misericórdia do Senhor, e a prova disto é uma parte do texto de abertura deste artigo, ” …são a causa de não sermos consumidos… ” , tanto o ímpio como o salvo não são consumidos, e uma das perguntas lançadas no início deste artigo se responde aqui, pois não é por sermos ímpios ou salvos que nos arrependemos ou não de nossos pecados, isto acontece ou porque não nos arrependemos mesmo tendo conciência de que estamos errados, ou porque não sabemos que estamos pecando. Seja uma situação ou outra, pela misericórdia do Senhor tanto o ímpio como o salvo não são consumidos, e por isto, as mesmas misericórdias do Senhor são renovadas a cada manhã, pois do contrário, a disposição do Senhor não seria mais de nos suportar e consequentemente seríamos eliminados de sua presença.

Já parou para pensar quantas vezes pecamos repetidas vezes os mesmos pecados? Os rompantes que temos com aqueles que abusam de nossa paciência, as palavras que pronunciamos para nos defender daqueles que julgamos precipitadamente, e em todas estas falhas, a misericórdia do Senhor impede que sejamos consumidos.

Mas que misericódias são estas?

Cada misericórdia esta intimamente ligada a sua respectiva miséria, e portanto, há uma misericórdia específica para cada tipo de miséria. Quando pensamos em miséria, logo nos vem a mente a miséria financeira, o desprovimento quase que total de recursos monetários, mas não é só este tipo de misériaque aflige os homens, há muitos outros tipos de misérias que assolam muito mais. Há a miséria de valores existenciais, a miséria de saúde, a miséria conjugal, a miséria existêncial, a miséria de relacionamento familiar, a miséria de alegria, a miséria de relacionamento com Deus, a miséria financeira, a miséria de sinceridade, a miséria de verdade, a miséria de amor, miséria de paz, a miséria de realidade diante de Deus ( digo esta última por que nos achamos muitas vezes muito importantes e superiores aos olhos de Deus em relação a coisas e pessoas).

Nos encontramos diariamente carentes de algum tipo de misericórdia, precisamos entender que dela depende nossa longevidade, pois se não fosse pelas misericórdias do Senhor, há muito já teríamos perecido.

Em Mateus 5: 7  a palavra do Senhor nos diz: “Bem aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia“.

Se não usarmos de misericórdia, não receberemos misericórdia, lembram da parábola do credor incompassivo Mateus 18: 26 a 35 ?  Num primeiro momento o devedor pediu misericórdia ao seu credor para que este lhe usa-se de generosidade e com isto então tudo lhe pagaria, diz a palavra que o devedor recebeu a misericórdia que pedia, mas tão logo deixou a presença de seu credor, se dirigiu aos que lhe deviam e os oprimia para que lhe pagassem, e não tendo conciência da benevolência que recebera, mandou seus devedores para a cadeia, e este acontecimento chegou então aos ouvidos do credor deste, e teve de voltar a presença dele, o ouvir o seguinte:

Mateus 18: 32 a  34 ” Então o seu senhor, chamando-o à sua presença disse-lhe: Servo malvado, perdoei-te toda aquela dívida porque me suplicaste. Não devias tu igualmente , ter compaixao do teu companheiro como eu também tive misericórdia de ti? E, indignado, o seu senhor o entregou aos atormentadores, até que pagasse tudo o que devia.”

Não podemos esperar o que não temos para dar, queremos que nos tratem de maneira agradável e com respeito, mas para isto, precisamos ser agradáveis e respeitar os outros, assim é com todas as demais coisas.

As misericórdias do Senhor se renovam a cada manhã para permitir que nos acordemos da ignorância de nossos pecados, pois passamos muitos anos de nossas vidas achando que estamos agradando o Senhor do “jeitinho” que somos, e que em nada erramos, até porque já aceitamos a Jesus e todas as coisas se fizeram novas… Misericórdia Jesus. Irmão queridos, precisamos de renovação da mente todas as manhãs e lucidez no espírito para que vejamos o quão carentes estamos de converter a Jesus em várias áreas de nossas vidas. Erramos constantemente porque pensamos que estamos acima dos demais, e é justamente o contrário, quanto mais o Senhor confia a nós, mais temos de vigiar e observar a nós mesmos, para perceber no que temos de orar e pedir ao Senhor misericórdia. Infelizmente, esta prática, não é observada por muitos, inclusive autoridades constituidas pelo Senhor, pois algumas delas, se ensoberbecem e entendem que já não precisam crescer mais, e por isto caem em desgraça. Não importa se somos o pastor da igreja ou o mais humilde membro da igreja, todos precisamos da misericórdia de Deus para liberar ao nosso próximo e para também desfrutarmos dela.

Desejo sinceramente que esta palavra possa despertar em quem a ler, um temor do Senhor neste tocante. Não se esqueça, alguém pode estar muito necessitado de sua misericórdia  neste exato momento que voce  lê este artigo, procure orar ao Senhor agora e pergunte a Ele a quem voce precisa liberar misericórdia?

Jesus derrama tua unção sobre este teu filho que lê esta palavra agora, em nome de Jesus, Amém.

Anúncios

3 Respostas

  1. nesta manhã sou mais grata ainda a DEus por me esclarecer sua palavra através deste estudo o Gloria,Deus abençõe ricamente o irmão na graça e no conhecimento!

  2. muito bom o estudo Deus abençoe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: